Ingredientes termogênicos que aceleram o metabolismo

Sabemos que os alimentos termogênicos são aqueles que ajudam na queima de gordura. Isso porque esse conjunto alimentar acelera o metabolismo e aumenta o gasto calórico em até 5%. Segundo o nutrólogo do Hospital Villa-Lobos, André Veinert, esses alimentos possuem a capacidade de promover um maior gasto energético, já que sua ingestão constante permite que o organismo trabalhe em um ritmo mais acelerado do que o habitual. Assim, como o organismo tem mais dificuldade em digerir esses alimentos, a temperatura do corpo aumenta, resultando em um metabolismo mais acelerado com alto gasto de energia.

  1. Gengibre: Alimento com baixo valor calórico, rico em vitaminas B3, B6 e C. Possui ação antioxidante.
  2. Água: A água é fundamental para o bom funcionamento do sistema digestivo, respiratório e cardiovascular, auxilia na eliminação de toxinas do organismo e na regulação térmica, e atua em diversas reações de digestão e absorção de nutrientes. Ingerir água fria faz com que o corpo trabalhe mais para adequar a temperatura da água à temperatura corporal, este processo acelera o metabolismo.
  3. Chá verde: O chá verde possui substâncias antioxidantes que agem no combate ao envelhecimento das células, colaborando assim para a prevenção de doenças como alguns tipos de câncer. O chá verde auxilia na perda de peso devido à cafeína presente em sua composição, que influencia no aumento da velocidade do metabolismo.
  4. Laranja: Rica em água e vitamina C, com baixo teor calórico, a laranja auxilia na regulação da insulina, hormônio que em elevadas concentrações geram um maior acúmulo de gorduras. Mas não exagere, pois em grandes quantidades ela pode ser bem calórica.
  5. Brócolis: Alimento rico em vitamina C e cálcio. Colabora para uma diminuição na porcentagem de gordura corporal por possuir grandes concentrações de ácido alfa-lipoico, que assim como a laranja, também auxilia na regulação dos níveis de insulina.
  6. Pimenta: As pimentas possuem uma substância chamada capsaicina, estudos mostram que esta substância traz vários benefícios à saúde, dentre eles o estímulo ao sistema nervoso simpático que libera mais catecolaminas, levando a uma diminuição do apetite e como consequência a diminuição da ingestão calórica.
  7. Nuts: Ricas em ácidos graxos monoinsaturados, como o ômega-3. Aumenta o metabolismo, protegem o coração e auxiliam em outras funções do corpo.
  8. Canela: Esse pozinho milagroso reduz o acúmulo de gordura, melhora o ânimo e por ser rica em fibras, ainda diminui o apetite.
  9. Café: Potencializa a queima de gorduras e também estimular o sistema nervoso central, melhorando o desempenho nos exercícios físicos.
  10. Guaraná em pó: O guaraná é composto por até 8% de cafeína, mais que o próprio café que possui até 2,5%. Ele funciona melhorando o cansaço, e dando uma energia a mais para os treinos, os resultados são bem parecidos com o da cafeína.

    “Os alimentos possuem mecanismos de ação diferentes, o gengibre por exemplo, age como anti-inflamatórios, uma vez que a obesidade está diretamente ligada à liberação de algumas substâncias inflamatórias no organismo”, explica Veirnet. Segundo ele, os termogênicos agem nessa cadeia, impedindo a liberação de tais substâncias e prevenindo a obesidade.

 

Fonte: Matéria de Amanda Preto, SportLife

Veja a matéria aqui.